pat schlitzer // jib: tape #4

O andamento está limpo, creativo e próprio. Curti tanto que cuspi o ecrã ao tentar dizer o nome dele com tanta “água que me cresceu na boca”. À que valorizar, os que apesar da reprovação dos outros, seguem o seu caminho felizes.

 

Posted in Bmx and tagged , . Bookmark the permalink. RSS feed for this post. Leave a trackback.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  • Junta-te ao FB do ATTD!

  • Chapa do Dia – #bmxatitude

     
  • PUBLICIDADE

    PUBLICIDADE
  • Artigos recentes

Swedish Greys - a WordPress theme from Nordic Themepark.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com